Últimas notícias do dia

Descubra quais são os países que mais cobram impostos no mundo

0

Todo brasileiro adulto que paga contas, ou convive de alguma forma com a cobrança de impostos, sabe que no Brasil eles são altos. Mas será que o Brasil está na lista dos países que mais cobram impostos?

São muitos os países que possuem uma alta carga tributária, não somente o Brasil. Mas uma das origens das maiores insatisfações do povo brasileiro em relação ao imposto, é com certeza, em relação ao retorno do imposto que é cobrado.

Há países que possuem uma carga tributária altíssima, mas seus habitantes não reclamam. Por que? Porque apesar da taxa alta, o retorno é igualitário ou proporcional a cobrança.

Países que mais cobram impostos no Mundo

Quer saber quais são os países que mais cobram impostos no mundo? E quer saber qual é a situação do nosso país no meio disso tudo? Então leia o texto até o final e descubra!

Dinamarca

Um país escandinavo, belo e com a maior carga tributária do mundo. Apesar disso, a nação dinamarquesa tem um dos maiores índices de qualidade de vida, igualdade e é um dos países com maior número de desenvolvimento.

Entretanto, apesar da alta carga tributária, eles não acham a mesma abusiva, pois o retorno à nação é excelente. O número de carga tributária da Dinamarca é de 45,2 % do PIB nacional.

Finlândia

Outro país escandinavo, belo como a Dinamarca, e que assim como ela, possui uma alta carga tributária, bem como, um altíssimo IDH (Índice de Desenvolvimento Humano).

Os Finlandeses possuem uma qualidade de vida muito boa, com acesso a recursos. A carga tributária do país, corresponde a 44% do PIB da Finlândia.

Apesar de ter uma taxa alta, as pessoas possuem um retorno bom, com qualidade de vida, e recursos a disposição.

Bélgica

Um belíssimo país europeu, que apresenta alta porcentagem de carga tributária. Entretanto, ela fica em terceiro lugar, com 43,2% do PIB nacional.

Apesar do grande número de carga tributária, o país apresenta índices muito bons de desenvolvimento, e baixos de pobreza ou desigualdade.

França

43% é a carga tributária do PIB da França. Entretanto, o país apresenta como os demais acima citados, bons graus de desenvolvimento humano.

Outro ponto interessante é em relação ao retorno desta carga tributária, que para os franceses está de bom tamanho, visto que o governo devolve para a sociedade boa parte destes impostos.

Itália

Mais um país europeu com uma carga tributária alta. A Itália ocupa o quinto lugar, com 42,6% em tributos no PIB. Entretanto, o país possuí um índice de desenvolvimento muito bom, apesar de enfrentar problemas sociais como o Brasil.

Porém, vale ressaltar que a situação da Itália é bem melhor que a do Brasil.

Outros países que mais cobram impostos

A lista de países com maiores cobranças de impostos do mundo continua. Vale ressaltar uma semelhança entre esta lista. Todos os países citados até o décimo terceiro lugar, são europeus. Logo eu conto mais sobre isso… Confira a lista:

  • 6º – Suécia – 42,8%;
  • 7º – Áustria – 42,5%;
  • 8º – Noruega – 40,8%;
  • 9º – Luxemburgo – 39,3%;
  • 10º – Hungria – 38,9%;
  • 11º – Eslovênia – 36,8%;
  • 12º – Alemanha – 36,7%;
  • 13º – Islândia – 35,5%.

Apesar de, existir essa semelhança de todos os países serem europeus, há outras que acompanham todos os citados acima: alto índice de desenvolvimento humano, baixos índices de desigualdade e pobreza, por exemplo.

A lista não terminou, entretanto, o décimo quarto país, possui uma realidade bem diferente dos mencionados acima, e é isso que iremos ver agora.

Brasil

A carga tributária do nosso país corresponde a 35,4% do PIB nacional. Apesar disso, e de ocupar a posição décima quarta do ranking, o Brasil é o segundo país na América Latina a arrecadar mais impostos, ficando apenas atrás de Cuba.

Dentre os 30 países com as cargas tributárias mais altas do mundo, o brasil fica em último lugar quando se diz ao retorno dessa carga à população.

Sabemos que o nosso país é um dos países mais desiguais, onde ainda se encontra alta precariedade nos serviços de acesso básicos a população geral.

E se for perguntar, para qualquer brasileiro, se ele fica satisfeito com a quantidade de impostos e o retorno dos impostos à população, achará grande maioria descontente, e com razão.

Além disso, outro ponto a ser destacado, que segundo especialistas internacionais, a forma de cobrança de impostos no Brasil, é muito injusta, pois visa o consumo, o que desfavorece a população mais pobre, com menor poder aquisitivo.

Outro ponto para se levar em questão, é a corrupção, que debanda altos índices da captação de renda do país. Quando por exemplo, um valor de imposto, destinado à educação, ou saúde é desviado, e não chegando ao destino final.

Isto implica diretamente no desenvolvimento social e econômico do país. E acaba afetando o índice de retorno para o bem estar da sociedade brasileira.

Retorno dos impostos para o bem estar da sociedade: ranking

É importante ressaltarmos também, que além da carga tributária, outro ponto a ser considerado de extrema relevância, é o índice de retorno ao bem estar da sociedade.

Isto é, quanto de retorno a sociedade daquele país recebe em relação a quantidade de tributação que é cobrada da população.

Vamos usar o exemplo do Brasil, ele surge na posição 14 dos países com maior carga tributária, e em trigésimo em relação ao retorno para o bem estar da sociedade.

Portanto, no ranking de 30 o Brasil é o último colocado pois é entre os países do ranking o que menos traz retorno a sociedade perante a carga tributária.

Mas, vamos ver agora quais são os países que mais dão retorno para o bem estar da sociedade:

Austrália

Apesar da carga tributária, ser de cerca de 27,3% do PIB, e estar em vigésimo sexto na lista, mas é o primeiro em retorno à população.

Coréia do Sul

A Coréia do Sul é o último país no ranking de carga tributária, arrecadando cerca de 24,3%, Entretanto, é o segundo país em questão de retorno à população dos tributos cobrados.

Estados Unidos

Os Estados unidos está em vigésimo oitavo lugar em relação a 26,4% do PIB em impostos. Porém, está em terceiro lugar em relação ao retorno dessa carga tributária à população.

Suíça

A Suíça está em vigésimo sexto lugar em relação a cobrança tributária no país. Entretanto, em relação ao retorno para a população ela encontra-se em quarto lugar, trazendo um bem estar social e qualidade de vida para seus habitantes.

Irlanda

Em vigésimo quinto lugar na arrecadação de tributos, com 28,3% do PIB nacional. Contudo, ele aparece em quinto lugar referente ao retorno da carga tributária à população.

Como era de se imaginar, o Brasil está entre os países que mais cobram impostos no mundo. Entretanto, o retorno sobre essa cobrança é mínimo.

O que reflete em condições precárias a população. Apesar da alta arrecadação de impostos, que girou em torno de R$ 1,537 trilhão em impostos em 2019.

Desigualdade Social no Brasil: a falta que o imposto bem empregado faz ao brasileiro

Portanto, apesar do alto valor de arrecadação de imposto o retorno em infra estrutura e serviços à população brasileira, foi e ainda é muito baixa.

Outro ponto de comparação é referente à desigualdade social no país, que ainda é muito grande, e abre uma espécie de buraco negro de diferença de qualidade de vida e desenvolvimento humano entre a população.

Entre as principais causas de desigualdade social no Brasil estão:

  • Política Fiscal injusta;
  • Baixos Salários;
  • Baixo acesso à educação de qualidade;
  • Dificuldade de acesso aos serviços básicos como por exemplo: saúde, saneamento básico, transporte público e outros.

Então, com a má distribuição de renda, e impostos altos que são desproporcionais principalmente para os mais pobres.

O que você achou sobre essa matéria? Comente abaixo sua opinião sobre os impostos no nosso país.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments